Projeto Verão

POR Dra. Adriana Lemos (CRM–32011)*

0
Criado em 11 de Novembro de 2013 Cuidar
A- A A+
O verão se aproxima e promete ser muito intenso este ano. Isto quer dizer que as roupas serão mais leves e que o corpo ficará em maior evidência. Aquelas gordurinhas que se acumularam e a celulite que evoluiu com liberdade nos meses mais frios, agora passam a incomodar mais e devem ser prontamente combatidas.
 
Uma alimentação mais leve, repleta de saladas, legumes, carnes magras, menos carboidratos, mais produtos integrais e bastante água, associada à intensificação nas atividades físicas, são a base para melhorar a saúde e o contorno corporal, e devem ser seguidas durante todo o ano, mas bem sabemos que o verão é mais inspirador à estes hábitos.
 
Podemos usar a tecnologia e a ciência neste desafio de “entrar em forma”. Uma orientação nutricional especializada e um acompanhamento médico adequado são importantes e devem ser analisados, principalmente se houver sobrepeso ou obesidade associados. Há alguns tratamentos que trabalham a nosso favor, otimizando e acelerando os resultados, ajudando a reverter a via metabólica da gordura, de reserva (estoque) à perda (queima), o que melhora a saúde e consequentemente, o contorno corporal. Conheça os mais utilizados na atualidade:
 
- Ultracavitação: realiza a “quebra” ou ruptura das células de gordura localizada no subcutâneo, disponibilizando-a para ser transformada em energia e ser “queimada” durante as nossas atividades. Se bem indicada e bem realizada por fisioterapeutas capacitadas e com bons aparelhos, é um método seguro e bastante eficaz, com alto índice de satisfação entre seus usuários. Mas, cuidado: a popularização desse método com a chegada de vários aparelhos sem os devidos testes para obtenção do certificado da nossa ANVISA, pode predispor à queimaduras no subcutâneo, com casos relatados até de necrose de pele. Sempre certifique-se de que o profissional é devidamente capacitado e pergunte qual o nº do registro ANVISA do aparelho que está sendo utilizado. Desconfie de tratamentos muito baratos, pois os aparelhos sem registro são muito mais em conta do que os que têm regulamentação no país.
 
- Radiofrequência Multipolar com Vácuo e com Laser de baixa potência: Trata-se da terceira geração de radiofrequência. A técnica multipolar define a profundidade da penetração da energia, concentrando a ação na derme e no tecido subcutâneo, o que justifica uma entrega de energia maior na área tratada, com modelação da camada gordurosa e maior estímulo das fibras de colágeno. O laser de baixa potência (vermelho) promove a renovação celular e a melhora da celulite. O vácuo realiza trabalho simultâneo nessas novas ponteiras, estimulando a drenagem linfática dos “lixos” celulares da região, imprescindível para um bom resultado. Os tratamentos são indolores, confortáveis e eficazes para celulite, flacidez, e estímulo do colágeno. O melhor dessas novas ponteiras é que a otimização dessas técnicas combinadas aumentou os resultados e reduziu o tempo necessário das sessões, permitindo o tratamento de várias áreas de uma só vez, dando maior versatilidade às mulheres modernas. Mais uma vez, fisioterapeutas bem treinadas devem manusear aparelhos com registro ANVISA para garantir a integridade da pele, que pode sofrer queimaduras se o aparelho não for confiável, pois a pele pode chegar a atingir até 42 º.
 
- Intradermoterapia: tratamento médico que consiste na aplicação de medicamentos diretamente na camada gordurosa do subcutâneo através de uma fina agulha, com o objetivo de “romper” as células gordurosas por reações químicas. Tem excelentes resultados para a gordura localizada na “barriguinha” abaixo do umbigo, flancos (regiões abaixo e ao lado da cintura) e culotes.
 
O que na prática observamos é um maior êxito quando há associação de tudo supra-citado, o que exige disciplina e vontade de adquirir melhores hábitos de vida, que vão refletir na nossa saúde, aparência e autoestima. O verão se aproxima...entre no clima!.
 
*Membro da Academia Brasileira de Dermatologia, da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia e diretora administrativa da Clínica Yaga Laser & Cosmiatria – adriana@yaga.com.br.



AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião de Revista Mais. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Revista Mais poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.